"Às vezes a mãe diz …" um álbum sobre dois mundos em colisão

Loading...


«Às vezes a mãe diz …»É um álbum ilustrado de Ana Sarrías Oteiza destinado a crianças a partir dos 3 anos de idade. Uma proposta de Bruño Editorial pertencente à coleção Menudos Albums. Um livro que, de uma simplicidade tenra, explica como o mundo é diferente quando você é criança e como é difícil entender algumas mensagens que os adultos lançam sobre eles.

mãe diz

Revisão editorial e dados técnicos

Às vezes a mãe diz coisas que o seu pequeno entende de maneira diferente dela: para a mãe, a bagunça do seu quarto não está certa, ou fica muito tempo na água, ou anda descalça! O protagonista, no entanto, vive essas situações de uma maneira muito diferente: para ele são pequenas aventuras cheias de emoção, mas no final do dia a mamãe sempre diz algo que ambos entendem da mesma forma, algo tão lindo e ótimo como a lua cheia.


Preço: 10,92 EUR

Preço recomendado: 11,50 euros

O que o livro trará para você como pai e como filho

Como qualquer livro "Às vezes a mamãe diz …" trará grandes coisas, como aquele momento especial que é gerado no tempo da história, sempre que você ler seu filho. Isso está além de qualquer dúvida e eu tomo como garantido. Mas vamos ver um pouco o que outras coisas podem nos trazer.

«Às vezes a mãe diz …» um livro para compartilhar

Seu filho que você lê para ele diariamente lhe dá a capacidade de desenvolva sua linguagem, expandindo seu vocabulário e por sua vez todo o seu mundo, também por dentro. Porque uma maior capacidade linguística com melhores detalhes pode expressar o que você pensa, sente e deseja. O que, por sua vez, está relacionado à capacidade de entender suas emoções e as dos outros e gerenciá-las com crescente habilidade. Isto é, o que temos chamado inteligência emocional.

A leitura compartilhada, que neste caso será uma leitura que você provavelmente realizará em sua totalidade, fornece às crianças um modelo para imitar e cria hábitos de leitura, se é algo que você incorpora em suas rotinas diárias, como ler um livro antes de ir para a cama.

"Às vezes a mãe diz …" dois mundos colidindo

Como pai, mãe ou educador em geral, ao ler o livro, você perceberá quão difícil pode ser para uma criança pequena entender o duplo significado das sentenças que dizemos a elas quando queremos que elas nos obedeçam. E isso acontece especialmente quando eles são pequenos e ainda mais se o nosso filho sofre de algum tipo de transtorno do neurodesenvolvimento (como T.E.A) ou linguagem (como um T.E.L). Nesses casos, uma das características do distúrbio que sofrem é a incapacidade de compreender o duplo sentido ou o sentido metafórico da linguagem.

Mas deixando de lado as dificuldades específicas de cada criança, o que é verdade e este livro – que deve nos fazer pensar mais sobre pais e educadores do que sobre crianças – é que o mundo adulto é totalmente diferente do mundo das crianças. Onde vemos um problema, um perigo ou uma ameaça, eles vêem diversão, aventura, aprendizado, exploração, entretenimento …

Encaixar os dois mundos é mais uma tarefa nossa do que a dele, embora seja verdade que, graças ao seu desenvolvimento cognitivo, ele será quem acabará por assimilar os nossos, com as nossas normas, limites e restrições. Proponho que, enquanto você lê esta história, pergunte se, quando diz que algumas das frases que aparecem na história, acontecem como protagonistas. Aproveite a oportunidade para conhecer um pouco melhor o seu filho e dar a ele a oportunidade de se expressar livremente.

Outros artigos interessantes para você

Se gostou desta resenha, convido-o a partilhá-la nas suas redes sociais para que possa alcançar mais pessoas. Mas antes de sair, deixe-me também sugerir outros livros infantis que revi nessa seção.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *