Loading...


Sobre o livro:

Este livro é uma estalagem, chamada "poesia", construída com palavras e envolveu cada uma delas em um amálgama de essências, de modo que as paredes de seu ser se apegam; quarto e refúgio do seu coração, pois a condição humana, por ser um caminho árido e sedento, é a fonte de sua essência de ser; as palavras são cobertas com essa essência invisível, mas também podem ser transformadas em um espelho onde refletem, misérias, medos e dúvidas. Você é muito carregado de bagagem, em que você arrasta muitas coisas desnecessárias para a viagem que você percebe, algumas talvez você não as leve já no dia seguinte. Nesta estalagem, sua condição e sua essência se juntam, isto é, a vida, sua condição de homem o deixa exausto, abatido, faz com que você procure; a casa da "poesia", procura por você e lhe proporciona um quarto, no qual você descansa de sua condição e acorda em sua essência; quantas vezes a luz do dia traz um novo sopro de vida. Que descanses! (Embora dependa de como você reflete no espelho, você provavelmente tem algum "pesadelo"). E um dia você dirá a quem os versos pertencem? Silêncio, amor e vento, a quem eles pertencem? Aquilo de uma flor e sua própria essência, a quem eles pertencem?

Adquirir livro: https://www.amazon.es/Quien-Pertenecen-los-Versos-Editorial/dp/1095653490/

Sobre o autor:

Francisco J. Rodríguez, nascido em Madri (Espanha), sempre que escreve se torna Francisco Camino D. Esperança, escreve contos, artigos e colabora em diferentes mídias digitais, autor do livro de poemas: A quem pertencem os versos editoriais Alvi? livros do livro "briznas de esencia" Ed. Titânio, seus poemas estão em meia dúzia de antologias poéticas como na edição italiana de "Reflejos" Ed. Paginé e nas antologias poéticas: "Sob a luz da poesia"; "Viver entre metáforas" e "adeus ao sol e trigo" Ed C. Estudos poéticos. Francisco Camino D. esperanza, é também autor do colóquio-ensaio "Paseando con María" Ed. Alvi livros (meditação espiritual, na qual ele é acompanhado por personagens muito singulares, escritores, músicos … da sociedade atual e passada). Escreva mais de um busca, é um encontro, com você e com os outros, em particular o poeta é doado já que a poesia requer aquela abertura mais profunda de si mesmo, o escritor menos egoísta é o poeta, porque ele sempre deixa parte de si em seus escritos .

Canal social ou web do autor: https://www.facebook.com/franciscojavier.rodriguezlopez.37

Opiniões

comentários


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *